segunda-feira, 19 de julho de 2010

Lua Azul

Ever é agora uma imortal. Iniciada nesse mundo desconhecido e sedutor por seu eterno amado, Damen, ela está empenhada em conhecer e dominar suas novas habilidades, mas algo terrível começa a acontecer. Acometido por uma doença misteriosa que ameaça, inclusive, sua memória, Damen não percebe que seus poderes se estão esvaindo - enquanto Ever se sente cada vez mais forte. Desesperada para salvá-lo, ela viaja até a dimensão mística de Summerland, onde não apenas toma conhecimento da misteriosa história de Damen, brutal e torturante, mas também tem acesso aos segredos que regem o Tempo. Com a lua azul que se aproxima, anunciando uma oportunidade única de se projetar para o passado ou para o futuro, Ever é forçada a decidir entre voltar no tempo e impedir o acidente que tirou a vida de toda a sua família ou ficar no presente e salvar Damen, que parece definhar a cada dia.

Parece que a vida de Ever entrou nos eixos. Agora como imortal, ao lado do seu amado lindo Damen , ela consegue controlar seus poderes e está aprendendo a dominá-los e a como conseguir visitar Summerland. Além de tudo, sua vida na escola também melhorou, apesar de ainda fazer pare da turma de "esquisitões".

Só falta uma coisa para tudo ficar perfeito: dar um passo no relacionamento que, em todas as encarnações passadas, eles nunca conseguiram dar, pois Drina sempre a matava antes disso. O problema é que Ever tem um certo medo e, também, ciúmes de toda a experiência de Damen adquirida nesses séculos. Na minha opinião é bobeira isso, afinal não dá pra ele mudar o passado né??

Só que como tudo que é bom dura pouco, uma nova pessoa surge na história pra complicar a vida de Ever. A chegada de um novo aluno Roman, que parece inofensivo no começo com sua aura limpa, preocupa muito ela. Mesmo sendo bonito e gentil, ele não consegue fazer com que Ever confie nele, diferentemente de toda a escola que o adora... E cá entre nós, como o Damen não desconfia de nada, como ele age com tanta ingenuidade??

De repente Damen fica doente, muito doente, e bom, imortais não ficam doentes né. Ele começa a perder seus poderes e a agir muito estranho, se afastando de Ever e se esquecendo de tudo que sentia por ela. Nossa, morri de pena dela nessa época! Ela faz cada coisa pra tentar descobrir o que houve com ele (bom, ela tem quase certeza que foi Roman,mas não sabe como), entre ela chegar a Summerland em busca de cura. Lá ela conhece duas figuras que vão ajudar mas a enlouquecer bastante também rsrs...

Ever descobre um jeito de ajudar Damen, mas também descobre como conseguir algo que ela deseja muitooo. E aí vem o problema. A oportunidade demora muitos anos para aparecer e agora (com a Lua Azul próxima) ela vai ter que tomar uma decisão muito importante. Qual é seu maior desejo? Salvar Damen ou reverter o acidente que matou sua família?

Eu gostei mais do Lua Azul que do primeiro livro, mas sério como a Ever aguenta a Haven. Gente, essa garota só pensa nela mesma. E por favor a Ever dificulta muito as coisas e tem uma atitudes que não entendo, de verdade...

Apesar de não ter concordo com a posição da Ever no final, eu entendi sua atitude, sei lá, acho que talvez tivesse feito o mesmo. É muito difícil decidir isso.

Agora, cá entre nós, adorei a imaginação da Alyson Noël com relação a Roman e ao final do livro... nunca ia pensar em quem ele era na verdade. O que me faz perguntar de novo: Como Damen não percebeu???

Autora: Alyson Noël
Editora: Intrinseca




2 comentários:

redoma-de-cristal disse...

Então, não gostei muito de Lua Azul. O fato de Damen não perceber no início e o comportamente da Ever durante todo o livro me estressou. Sem falar da Haven. Aff :@

O final deu um gancho e nos prendeu para a continuação. Vamos ver.

Beijos.

Amanda disse...

também não gostei da atitude de Damen não, muito estranho
e a Haven é mesmo uma chata kkkk